Após desmanche, presidente diz que Santos tem time para ser campeão

No total, 14 jogadores já deixaram o clube, entre eles o zagueiro Edu Dracena, que assinou com o Corinthians, e o centroavante Leandro Damião, transferido para o Cruzeiro

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Modesto revelou preocupação em conseguir pagar os salários dos funcionários do clube em dia
Dennis Calçada/Santos FC
Modesto revelou preocupação em conseguir pagar os salários dos funcionários do clube em dia

Mesmo com o desmanche devido à crise financeira a qual o clube atravessa, o presidente Modesto Roma Jr. afirmou nesta quinta-feira (22) que o Santos tem um time suficientemente forte para brigar pelo título paulista.

"Esse time para mim é para ser campeão. É um elenco jovem, como é a tradição do Santos, com jogadores mais experientes vinculados ao estilo do nosso time", disse o mandatário.

No total, 14 jogadores já deixaram o clube, entre eles o zagueiro e capitão Edu Dracena, que assinou com o Corinthians, e o centroavante Leandro Damião, transferido para o Cruzeiro.

Sete atletas -Mena, Arouca, Matheus Índio, Renê Júnior, Felipe, Aranha e o próprio Damião- entraram na Justiça para terem seus contratos rompidos devido à falta de pagamento de salários.

Os reforços foram os jogadores que aceitaram a nova realidade financeira do clube. Até o momento, foram contratados seis jogadores: o zagueiro Werley, os meias Chiquinho, Elano, Valencia e Marquinhos Gabriel, além do atacante Ricardo Oliveira.

Segundo Roma Jr, as mudanças no elenco já representam ao Santos uma economia de R$ 23 milhões/ano.

"Tudo isso só nos últimos 21 dias. Estamos trabalhando", completou o dirigente.