Real Madrid contrata prodígio norueguês de 16 anos

Oedegaard estava na mira de clubes como Bayern de Munique, Barcelona, Liverpool e Ajax, e fez a opção por atual campeão mundial

iG Minas Gerais | AFP |

Martin Oedegaard, de apenas 16 anos, é o mais jovem a entrar em campo numa partida válida pelas eliminatórias da Eurocopa
Stroemsgodset/Divulgação
Martin Oedegaard, de apenas 16 anos, é o mais jovem a entrar em campo numa partida válida pelas eliminatórias da Eurocopa

Cobiçado pelos maiores clubes da Europa, o jovem norueguês Martin Oedegaard, considerado aos 16 anos uma das maiores promessas do futebol mundial, acabou escolhendo o Real Madrid como destino, confirmou o clube espanhol nesta quinta-feira.

"O Real Madrid e o Stroemsgodset chegaram a um acordo para a transferência de Martin Oedegaard", confirmou o Real no seu site oficial.

O prodígio, que estava na mira de clubes como Bayern de Munique, Barcelona, Liverpool ou Ajax, tinha visitado as instalações de vários 'gigantes' europeus nos últimos meses, e optou pelo campeão continental, por um montante avaliado em 4 milhões de euros pela imprensa espanhola. O jogador será submetido a exames médicos nesta quinta-feira e dará em seguida uma entrevista coletiva.

Oedegaard fez história no dia 13 de outubro, quando tornou-se o mais jovem a entrar em campo numa partida válida pelas eliminatórias da Eurocopa, com apenas 15 anos e 297 dias de idade. Ele já defendeu três vezes a seleção do seu país, batendo todos os recordes de precocidade.

O talentoso canhoto deve começar jogando pelo time B do Real, e poderá se espelhar no seu técnico, ninguém menos que o ex-craque Zinedine Zidane.

"Oedegaard tem um grande futuro. É muito novo, mas tem muita qualidade", resumiu o italiano Carlo Ancelotti, técnico do time principal 'Merengue'.

Em abril de 2014, o menino foi escalado pela primeira vez para defender a equipe principal do Stroemsgodset, clube de sua cidade natal, Drammen, tornando-se o mais novo jogador a entrar em campo -e em seguida a marcar um gol- na 1ª divisão norueguesa. 23 jogos depois, Martin tem cinco gols e sete assistências no currículo.

Em vinte jogos, marcou cinco gols e deu sete assistências, sendo chamado até de "talento do século" pelo presidente do Bayern, Karl-Heinz Rumenigge.

"Ele se desenvolveu muito em pouco tempo. Ele derrubou barreiras que nem ele, nem ninguém, acreditava ser possíveis derrubar", elogiou o técnico da Noruega, Per-Mathias Hoegmo. "Sua maneira de jogar, seu talento, sua capacidade de escolha e de raciocínio... Tudo isso é impressionante", completou Hoegmo em entrevista concedida recente mente ao jornal Aftenposten.

Leia tudo sobre: oedegaardprodígionoruegareal madridconrataçãostroemsgodset