Papa elogia família numerosa após polêmica

Há dois dias o Papa disse que os católicos que se reproduzem "como coelhos"

iG Minas Gerais | AFP |

Francisco é o 1º papa a visitar uma igreja evangélica pentecostal
Francisco é o 1º papa a visitar uma igreja evangélica pentecostal

O papa Francisco enalteceu nesta quarta-feira as famílias numerosas, em uma espécie de resposta à controvérsia que gerou por ter criticado há dois dias os católicos que se reproduzem "como coelhos".

"Sinto alegria de ver tantas famílias numerosas que acolhem tantas crianças que são dons de Deus. Todo filho é uma bênção. Dizer que ter tantas crianças é a causa da pobreza me parece uma opinião simplista", afirmou o Papa durante a audiência geral na Sala Paulo VI.

Com estas palavras, o pontífice argentino dava uma explicação aos setores e movimentos católicos conservadores que promovem a família numerosa, "com todos os filhos que Deus enviar".

Francisco, que costuma falar em tom claro e direto, ao ser perguntado na segunda-feira durante o voo papal sobre o tema do controle de natalidade, disse que os católicos devem cumprir o que chamou de "paternidade responsável".

"Alguns acreditam, perdoem a expressão, que para ser bom católico temos que ser como coelhos", disse Francisco à imprensa durante o voo de retorno ao Sri Lanka e às Filipinas, gerando uma onda de repressão.

Dois dias depois, o papa explicou durante a audiência no Vaticano que a causa da pobreza no mundo "não é o número elevado de filhos", mas "um sistema econômico que faz com que as pessoas se deixem guiar pelo Deus dinheiro".

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave