Detalhes separam Mena do Cruzeiro; reunião pode selar chegada de Pará

Empecilho para o acerto com Mena seria a pedida salarial; Benecy Queiroz viaja para Salvador na quarta-feira para se reunir com diretoria do Bahia

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

Eugenio Mena tem 26 anos e, antes de chegar ao Santos, passou pelo Santiago Wanderers e Universidad de Chile
DIVULGAÇÃO/SANTOS
Eugenio Mena tem 26 anos e, antes de chegar ao Santos, passou pelo Santiago Wanderers e Universidad de Chile

O Cruzeiro espera concluir a aquisição de mais dois reforços para a temporada - o chileno Mena e o jovem Pará, de 19 anos, ambos laterais-esquerdos. Os jogadores chegam para suprir a lacuna deixada após a saída de Egídio, negociado com o futebol ucraniano. No caso de Mena, os valores pedidos pelo atleta seriam o empecilho para o acerto, é o que revela o superintendente de futebol, Benecy Queiroz.

"Este é assunto que estamos em negociação. Quarta-feira, o representante dele terá uma reunião conosco. O que nos separa de um acerto são detalhes financeiros, achamos que os valores pedidos estão acima, mas trataremos deste assunto na quarta-feira, e até na quinta teremos uma definição", disse.

Outro assunto na pauta do superintendente de futebol do Cruzeiro é o lateral Pará. O diretor celeste viaja para Salvador nesta quarta-feira para se reunir com representantes do Bahia. Pelo jovem atleta, o Cruzeiro estuda o empréstimo do volante Souza. O lateral-esquerdo Gilson também poderia ser envolvido na negociação.

"Não existe plano B no Cruzeiro, o que existe é aquisição de jogadores. Eu viajo quarta-feira para Salvador, e vamos ver se o Cruzeiro consegue agregar estes dois jogadores ao atual plantel", finalizou. 

Leia tudo sobre: futebol nacionalcruzeiroraposacampeonato brasileiriomenapará