Avião da AirAsia alcançou uma velocidade excessiva e caiu

"Nos últimos minutos, o avião assumiu uma velocidade superior ao normal", explicou o ministro da Indonésia, Ignasius Jonan, citando dados do radar do aparelho

iG Minas Gerais | AFP |

Autoridades indonésias indicaram anteriormente que cinco grandes partes da aeronave haviam sido recuperadas
JUNI KRISWANTO / AFP
Autoridades indonésias indicaram anteriormente que cinco grandes partes da aeronave haviam sido recuperadas

O ministro indonésio dos Transportes revelou nesta terça-feira (20) que o avião da AirAsia que caiu no mar com 162 pessoas a bordo em 28 de dezembro voava em uma velocidade excessiva e parou antes de cair.

"Nos últimos minutos, o avião assumiu uma velocidade superior ao normal", explicou o ministro Ignasius Jonan, citando dados do radar do aparelho. "De repente, ultrapassou a velocidade limite que podia voar e parou", acrescentou.

O Airbus A320-200 decolou em 28 de dezembro da cidade indonésia de Surabaya para Cingapura, e cruzou uma área com muitas nuvens antes de desaparecer dos radares. A aeronave caiu logo após  no Mar de Java, e não houve sobreviventes.

Entre as 162 pessoas a bordo estavam 155 indonésios, o co-piloto francês Rémi Plesel, um britânico, três sul-coreanos, um malaio e um cingapuriano.