Romero Britto se torna padrinho do Rio 2016

Com experiência no Jogos de Pequim e na Copa da África, artista plástico brasileiro entra em grupo seleto escolhido pelo COB

iG Minas Gerais | Da redação |

A caneca do artista Romero Britto deixou para trás as formas tradicionais Quanto R$ 139 Onde www.lacucina.com.br
Divulgação
A caneca do artista Romero Britto deixou para trás as formas tradicionais Quanto R$ 139 Onde www.lacucina.com.br

O artista Romero Britto se juntou ao Comitê Olímpico do Brasil (COB) e virou padrinho dos Jogos de 2016. O pernambucano participou das Olimpíadas de Pequim, em 2008, com uma coleção de selos feitos para a ONU, e foi o artista oficial da Copa do Mundo da África.

Conhecido no mundo pelo seu estilo próprio, Britto passa a ser parte de um seleto grupo de celebridades, como o apresentador Luciano Huck e o ator Rodrigo Lombardi, e tem como missão atrair público para assistir às provas.

“O Romero tem grande força de se comunicar com os brasileiros que moram fora do país, principalmente na América Latina e do Norte. Ele tem história parecida com a de muitos brasileiros que foram tentar a sorte no exterior e tiveram sucesso, além de possuir experiências importantes com o esporte”, elogiou o diretor executivo de esportes do COB, Marcus Vinícius Freire.

Leia tudo sobre: rio 2016romero brittopadrinhocobartista plástico