Moradores de áreas rurais podem fazer a pré-matrícula no Pronatec

Aproximadamente 35 mil vagas estão abertas para 116 cursos em todo o país; cada pessoa pode fazer até três cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) por ano e um curso técnico

iG Minas Gerais | Agência Brasil |

Objetivo do Pronatec é ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica também para quem está no campo
Divulgação
Objetivo do Pronatec é ampliar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica também para quem está no campo

A população da zona rural já pode fazer a pré-matrícula para os cursos ofertados pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) Campo. Aproximadamente 35 mil vagas estão abertas para 116 cursos em todo o país. 

Os interessados devem procurar as delegacias do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), os sindicato dos Trabalhadores Rurais, as secretarias de Agricultura ou órgão similar que presta assistência técnica e extensão rural para saber os cursos ofertados na região, verificar a disponibilidade de vaga  e fazer a pré-matrícula. A confirmação da inscrição será nas unidades de ensino, a partir de março.

Segundo o MDA, os cursos mais procurados são de agricultor familiar, horticultor orgânico, agricultor orgânico, agente de desenvolvimento cooperativista, bovinocultor de leite, avicultor, fruticultor, auxiliar de agropecuária, piscicultor e preparador de doces e conservas.

Cada pessoa pode fazer até três cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) por ano e um curso técnico. Os cursos FIC servem para a qualificação profissional, dão certificado de formação e têm carga horária mínima de 160 horas. Os cursos técnicos também dão diploma e têm duração mínima de um ano, além da carga horária prevista para o estágio profissional supervisionado.

Se sobrar vagas, as turmas serão abertas para inscrição online e qualquer pessoa poderá se inscrever nas vagas remanescentes pelo portal do Pronatec dez dias antes do início do curso. [acesse o site aqui]

De acordo com informações do MDA, entre 2012 e 2014 mais de 27 mil matrículas foram feitas para 175 cursos do Pronatec Campo, formando cerca de 1,5 mil turmas.  A metodologia do programa intercala um período de convivência na sala de aula com outro no campo.