Sem água há mais de 30 dias, moradores de Esmeraldas fecham a MG-432

Grupo interdita via colocando fogo em pneus e madeiras; por meio de nota, na última sexta-feira (16), Copasa informou que o forte calor e a falta de chuva são os responsáveis pela falta de abastecimento em um dos bairros

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Revoltados com a falta de água em alguns bairros há mais de 30 dias, cerca de 50 moradores de Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte, protestam e interditam a MG-432 na manhã desta segunda-feira (19).

De acordo com a Polícia Militar, a manifestação acontece na altura do KM 522, e o grupo coloca fogo em madeiras e pneus. Ainda conforme a corporação, o ato é acompanhado por militares da 8ª Companhia Independente e segue pacífico.

Na última sexta-feira (16),  grupo já havia decidido pelo protesto. Em contato com a reportagem de O TEMPO, os moradores do bairro Dumaville afirmaram que tentam negociar com a Copada desde dezembro de 2014, mas não houve acordo.

Também na sexta, por meio de nota, a empresa alegou que o motivo da falta de abastecimento no bairro é o forte calor e as poucas chuvas. 

A empresa também afirmou que iniciou a perfuração de poço artesiano profundo no dia 11 de janeiro para reforçar o abastecimento do local, já que os dois últimos poços perfurados não forneceram volume de água suficiente para utilização, em função do aumento do consumo. 

Leia tudo sobre: esmeraldasmanifestaçãocopasaágua