Autoridades da Indonésia apreendem passaportes de repórter da Globo

Márcio Gomes e o cinegrafista estão acompanhando os desdobramentos da execução do brasileiro Marco Archer

iG Minas Gerais | Da Redação |

O repórter da TV globo Márcio Gomes e o cinegrafista da emissora tiveram seus passaportes retidos em Cilacap, na Indonésia, após filmarem o porto de onde saem as balsas rumo à ilha de Nusakambangan. Eles chegaram a ser detidos e depois liberados para irem até o hotel em que estão hospedados, de acordo com a "Folha de S.Paulo".  Márcio Gomes e o cinegrafista estão acompanhando os desdobramentos da execução do brasileiro Marco Archer, que foi fuzilado às 15h30 (horário de Brasília) por conta da condenação por tráfico de drogas. De acordo com as autoridades da Indonésia, afirmam que o entorno do porto é área restrita e destacam que os funcionários da Globo entraram no país com visto de turistas. O Itamaraty tenta intervir na situação e a TV Globo ainda não se manifestou.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave