Centro cultural francês é incendiado no Níger

Cinquenta pessoas "arrombaram a porta" de entrada e atearam fogo no refeitório, biblioteca e escritórios administrativos

iG Minas Gerais | AFP |

Pessoas revoltadas com caricaturas em jornais franceses, queimam Centro Cultural
Reprodução/@IssoufouOUMAROU
Pessoas revoltadas com caricaturas em jornais franceses, queimam Centro Cultural

O Centro Cultural francês de Zinder, a segunda maior cidade do Níger, foi incendiado nesta sexta-feira por manifestantes em cólera após a publicação de mais uma caricatura de Maomé pela revista francesa Charlie Hebdo, anunciou seu diretor.

Cinquenta pessoas "arrombaram a porta" de entrada e atearam fogo no refeitório, biblioteca e escritórios administrativos da CCF, apesar dos "tiros de advertência" de "dois oficiais" que protegiam o complexo, relatou à AFP Kaumi Bawa, diretor do centro de Zinder, uma cidade no sul, perto da fronteira com a Nigéria.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave