Delegado é morto tiros na Grande São Paulo

Dois homens encapuzados e armados pularam o muro da chácara onde o delegado morava, enquanto ele e a mulher estavam na sala assistindo

iG Minas Gerais | Folhapress |

O delegado da Polícia Civil Josimar Ferreira de Oliveira, de 52 anos, foi morto a tiros, no Parque Yara Cecy, em Itapecerica da Serra (Grande São Paulo), na noite de quinta-feira (15).

Por volta das 22h, dois homens encapuzados e armados pularam o muro da chácara onde o delegado morava. Ele e a mulher estavam na sala assistindo TV quando ouviram os cachorros latindo acompanhado do barulho semelhante a um cano estourando.

A mulher do delegado disse à polícia que pegou uma lanterna e foi ao quintal verificar o que estava acontecendo. Segundo a Polícia Militar, neste momento a mulher foi rendida pelos criminosos. Com a mulher rendida, os ladrões invadiram a sala da casa, mas viram o distintivo da Polícia Civil sobre a mesa e o delegado com um coldre na perna, sem a arma.

A mulher falou aos policiais que os criminosos gritaram "é polícia, é polícia", atiraram contra Oliveira e fugiram pulando o muro sem levar nada. Dois tiros acertaram o rosto do delegado, segundo a PM. Ele foi levado por familiares ao Hospital Geral de Itapecerica da Serra, onde morreu. Oliveira atuava como delegado assistente na delegacia central de Itapecerica da Serra.