Em retorno de Tite, Corinthians perde na estreia em torneio nos EUA

Alvinegro perdeu para o Colônia, da Alemanha, por 1 a 0, no primeiro jogo da Florida Cup, que acontece em Orlando

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Em jogo marcado pelo retorno do técnico Tite ao comando do Corinthians, o time alvinegro foi derrotado pelo Colônia, da Alemanha, por 1 a 0, em sua estreia na Florida Cup, torneio que acontece em Orlando, nos Estados Unidos, na noite dessa quinta-feira (15).

Em geral, os corintianos fizeram um jogo bastante equilibrado, mas um gol sofrido logo aos 13min de jogo, marcado pelo meia Peszko, decretou a primeira derrota do treinador gaúcho na sua terceira passagem pelo clube paulista.

Agora, o time do Parque São Jorge enfrentará o Bayer Leverkusen, no próximo sábado (17), às 16h (horário de Brasília), no encerramento da sua participação no torneio amistoso. Mais cedo, a equipe alemã venceu o Fluminense por 3 a 0.

A Florida Cup é uma competição que reúne confrontos de times que representam apenas dois países. Com estas vitórias, a Alemanha então somou seis pontos, enquanto o Brasil permaneceu com zero.

Mesmo com todas as dificuldades de ordem física e, em alguns momentos da partida, até de aplicação tática, devido ao início de temporada, o Corinthians conseguiu fazer um jogo bastante equilibrado contra o Colônia.

Tite começou o confronto com a equipe formada no 4-4-2, com os dois meias abertos pelos lados do campo. Renato Augusto atacava e recuava pelo lado esquerdo acompanhando o lateral adversário, enquanto o uruguaio Lodeiro fazia o mesmo do lado direito. Emerson e Guerrero ficavam mais à frente para puxar os contra-ataques.

Já o time alemão, muito mais entrosado em campo, contou com mais posse de bola e maior presença ofensiva, apesar de pouco ameaçar o goleiro Cássio. Porém, em um destes ataques mais perigosos, chegou ao gol ainda no começo do confronto.

Aos 13min, após um lançamento nas costas da defesa corintiana, o meia Peszko ajeitou a bola dentro da grande área e, na saída do goleiro Cássio, tocou para o fundo do gol alvinegro. Mesmo atrás do placar, o Corinthians continuou recuado e optava pelos contra-ataques. E, desta forma, quase empatou a partida com Elias, em chute rasteiro defendido pelo goleiro Kessler pouco antes do intervalo.

Assim como o Tite já havia adiantado antes da realização do jogo, os titulares da equipe alvinegra atuaram somente nos primeiros 45 minutos do duelo. Na etapa final, muitos reservas ganharam a chance de jogar.

E, mesmo composto por nomes como o do reforço Edilson na lateral direita, dos zagueiros Yago e Pedro Henrique, e até do atacante colombiano Mendoza, os corintianos melhoraram no segundo tempo e pressionaram o time alemão até o apito final.

Os atacantes Luciano, em cabeçada logo aos 4min, e Mendoza, em chute de fora da área, criaram as melhores chances de igualar o placar, mas sem sucesso.

Leia tudo sobre: corinthianscolôniaflorida cup