De fora, PROS será recompensado

Ela não foi reeleita para a Assembleia e, por isso, ganharia uma chance de se manter no cenário político

iG Minas Gerais | Isabella Lacerda |

Excluído das nomeações no primeiro escalão, o PROS – partido que apoiou Fernando Pimentel nas eleições do ano passado – deve ganhar vagas de subsecretários e diretoria no governo de Minas.  

Dois nomes já são dados como certos. A vice-presidência da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig) será comandada pelo vice-presidente nacional do partido, Gustavo Pires. A hoje deputada estadual Liza Prado (PROS) também deve ganhar uma vaga no governo, mas ainda está em negociação.

Ela não foi reeleita para a Assembleia e, por isso, ganharia uma chance de se manter no cenário político. “É natural ter um nome do PROS e a Liza ser a escolhida. Isso está em negociação”, afirma uma liderança do PMDB. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave