Tem que ter consciência e anotar gastos

iG Minas Gerais | Juliana Gontijo |

O educador financeiro do portal Meu Bolso Feliz, José Vignoli, afirma que o consumo não planejado é o primeiro passo para o descontrole do orçamento doméstico e a inadimplência. “Por isso, o consumo precisa ser consciente, tanto para as pessoas que têm mais acesso ao crédito quanto às novas gerações que começam a lidar com dinheiro”, aconselha o especialista.  

A economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, aconselha o uso de planilhas ou anotações com todos os gastos domésticos para ajudar a identificar quanto pode ser redirecionado para uma reserva financeira. Ela aconselha colocar todas as despesas, desde as contas fixas até gastos com lazer, por exemplo. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave