Barro Preto será próxima região

Segundo o superintendente de implantação e manutenção, José Mendanha, cerca de 400 mil veículos atravessam a área central sem ter a região como destino todos os dias

iG Minas Gerais | joana Suarez |

O Mobicentro tem mais cinco áreas previstas para mudanças. A próxima será a região do Barro Preto, ainda neste ano. Em seguida virão Savassi, Lourdes, Santo Agostinho e praça Raul Soares. A ordem e as datas não foram divulgadas, mas o programa deverá ser implantado até outubro do próximo ano e vai afetar quase todos os cruzamentos no perímetro da avenida do Contorno.  

O projeto é a aposta para aumentar a capacidade de tráfego nas vias da região central e reduzir o tempo gasto em deslocamentos, diminuindo assim o horário de pico. Tratam-se de projetos de soluções de engenharia de tráfego para otimizar o sistema viário, desviando o trânsito que não precisa ir ao centro.

Segundo o superintendente de implantação e manutenção, José Mendanha, cerca de 400 mil veículos atravessam a área central sem ter a região como destino todos os dias. “Nosso objetivo é fazer o controle das demandas de fluxo para garantir que os motoristas saiam da região central para outros entrarem”. Se tudo correr como planejado, a velocidade média do carro no centro deve passar de 12 km/h para 27 km/h (aumento de 125%), e a do ônibus, de 9 km/h para 17 km/h (aumento de 88%). O tempo para cruzar o hipercentro deve ser reduzido em 50%.

Outras. Além do Mobicentro, estão previstas outras ações breves, nas regiões Oeste e Pampulha, com tratamento dos corredores e implantação de faixas exclusivas para ônibus. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave