Marcos Rocha adia "sonho europeu" e quer ficar mais tempo no Galo

Jogador confirmou sondagens neste início de pré-temporada; lateral também comemorou valorização recebida pelo Atlético

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Marcos Rocha está confiante em força alvinegra dentro de casa
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Marcos Rocha está confiante em força alvinegra dentro de casa

Alvo constante do assédio de clubes europeus, o lateral-direito Marcos Rocha disse estar totalmente focado no Atlético, na temporada 2015. Eleito o melhor jogador da posição no Brasileirão nos últimos três anos, ele teria entrado na pauta do Porto, de Portugal. 

Rocha admitiu a sondagem dos clubes europeus e o desejo de atuar no futebol da Europa, mas pode adiar o sonho para permanecer mais tempo no Galo. 

"Sempre há sondagens, não vou mentir. Houve algumas diretamente ao meu empresário, com a diretoria. Nunca escondi esse meu desejo de jogar fora. É um sonho que tenho. Mas estou muito feliz no Atlético. Com essa valorização, não tenho aquela ansiedade de sair. Se vier algo bom, que seja bom para o Atlético. Mas nunca tive uma proposta no papel para sentar e discutir com a diretoria. Se vier, que seja bom para mim e para a diretoria", disse Rocha. 

Com o interesse dos clubes do 'velho continente', o Atlético tratou de renovar o contrato do camisa 2, prorrogado para até dezembro de 2018, com uma valorização salarial. 

"Fiquei bastante feliz pelo reconhecimento. O Daniel e o Maluf tiveram pelo meu futebol, por essas temporadas no Atlético. Veio o reconhecimento e fico muito feliz. Estava trabalhando para ter esse reconhecimento e essa valorização. Agora só cabe a continuar ajudando o clube. Que essa valorização não é para acomodar. É para evoluir. Tenho liberdade com Maluf e que todo ano eu possa passar na sala dele e pedir um aumento", ressaltou o lateral. 

Por fim, Marcos Rocha comentou que a permanência no Atlético, sobretudo mantendo o desempenho das últimas temporadas, vai contribuir para ele continuar na briga por uma vaga na seleção brasileira, agora com o técnico Dunga. 

"Quero ser campeão com o Atlético. Fazendo o melhor aqui, consequentemente, tenho o reconhecimento individual. E lógico a Seleção Brasileira. Espero ter essa oportunidade", completou. 

Leia tudo sobre: AtléticoMarcos RochafutebolGalovalorizaçãolateral