‘Big Brother Brasil 15’ terá mineiro bem polêmico, diz amigo

Na lista dos 13 novos confinados do programa até agora está Adrilles Jorge, um poeta belo-horizontino com sentimentos aflorados

iG Minas Gerais | Felipe Pedrosa |

‘Big Brother Brasil 15’ terá mineiro bem polêmico: o poeta Adrilles Jorge, de 40 anos
Leonardo Viso/Gshow
‘Big Brother Brasil 15’ terá mineiro bem polêmico: o poeta Adrilles Jorge, de 40 anos

Entre os novos participantes do “Big Brother Brasil 15”, que estreia na próxima terça-feira (20), está um mineiro: escritor belo-horizontino Adrilles Jorge, de 40 anos. Em entrevista ao SUPER NOTÍCIA, um amigo de Adrilles, que preferiu não se identificar, comentou que o escritor entrou no programa por acaso. “Ele foi fazer inscrição para uma amiga e, ao se informar como responder ao questionário, acabou fazendo para ele também”, comenta.

No fim das contas, o escritor foi chamado, e a sua amiga, não. Ainda de acordo com seu colega, a personalidade de Andrilles pode ter sido o motivo pelo qual ele foi chamado. “Viram nele um polemista em potencial”, avalia. O amigo de Adrilles revelou ainda que o mais novo confinado é muito intenso. “Conheci-o na faculdade, quando fizemos estágio na PUC TV, e, desde então, nos tornamos amigos”, comenta, afirmando que, por sua forte personalidade, o escritor fez “muitos amigos e inimigos”.

“Ele tem uma bagagem intelectual muito grande. É um leitor voraz de filosofia e literatura nacional e internacional. Por isso, é um sujeito bem vaidoso sob esse ponto de vista. Demonstra ter mais certeza do que deveria ter”, diz. Mas, na avaliação dele, caso Adrilles consiga administrar seu jeito impulsivo, ele pode sair vitorioso. “O Adrilles tem os sentimentos muito aflorados. Se conseguir dominá-los, o Brasil pode conhecer alguém bem bacana”, avalia.

 

‘Radical de centro’ Entre os pontos de vista nos quais Adrilles Jorge, de 40 anos, tem uma posição firme, a política está no topo da lista. “Ele costuma dizer que é radical de centro”, comenta seu amigo, que terá a identidade preservada, afirmando ainda que o brother é antipetista: “Tivemos algumas rusgas quando disse que votei na Dilma no segundo turno. Ele achou irresponsabilidade”, comentou.    Mas, quanto ao trabalho de Adrilles, seu amigo é só elogios. “Ele é um poeta talentosíssimo. Um escritor de primeira grandeza. As pessoas gostam”, diz. Adrilles publica seus poemas em um blog pessoal desde 2004. Fã de Shakespeare, Federico Fellini e Woody Allen, Adrilles mora em uma casa no bairro Gutierrez com sua mãe, Izilda Megda Jorge Reis, e o namorado dela.     Leia abaixo a última poesia escrita pelo mineiro, no última quarta (7): Ventre Por entre muros espio a fuga que se move à espreita de abrigo   Movem-se os muros acompanhando os passos de seus fugitivos, confinados até o outro lado da esfera   Remove-se o chão, embalando a gravidade que me mantém preso ao equilíbrio de me saber de pé   Ao alto, ri-se o céu de seu forçoso limite a olho nu que veste o engano   Fecho os olhos e enxergo o infinito que não alcanço e que me atravessa, incorpora e me guarda em sua zelosa prisão

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave