250 alunos tiram nota máxima na redação do Enem; 529 mil zeraram

Para o ministro da Educação, a falta de se debater tão profundamente o tema da publicidade infantil, explicaria a queda na média da redação em 9,7% em relação ao exame de 2013

iG Minas Gerais | da redação |

Meta. 
“O grande desafio é fazer com que possamos melhorar os nossos indicadores”, disse Cid Gomes
ELZA FIÚZA / AGÊNCIA BRASIL
Meta. “O grande desafio é fazer com que possamos melhorar os nossos indicadores”, disse Cid Gomes

Na tarde desta terça-feira (13), o Ministro da Educação, Cid Gomes e o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (INEP), Francisco Soares, deram uma entrevista coletiva, para falar sobre os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2014.

Para o ministro da Educação, o fato se não debater tão profundamente o tema da publicidade infantil, explicaria a queda na média da redação em 9,7% em relação ao exame de 2013.

Segundo Soares, somente 250 alunos, dos 6,2 milhões que realizaram o exame, tiraram a nota máxima na redação. Em contrapartida, aproximadamente 529 mil estudantes zeraram a avaliação, destes quase 249 mil foram anuladas. A maioria dos candidatos, 55,7% tiraram 500 pontos, metade do valor total do texto. "Nas notas mais altas, acima de 700, temos um número substancial de alunos", afirmou Chico. Cerca de 519 mil pessoas receberam mais de 700 pontos.

O Presidente do INEP afirmou que as notas "serão divulgadas em algum momento durante a noite desta terça-feira", já o espelho da redação, com o material para a consulta da correção do exame, será liberado em até 60 dias.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave