Vídeo mostra briga de Dedé com irmão na porta de bar em Volta Redonda

Após suspeitas de que jogador estaria espancando um taxista em Volta Redonda, jogador se pronunciou e revelou que era "confusão de família"

iG Minas Gerais | Da redação |

Um vídeo de uma briga que envolve o zagueiro celeste Dedé causou alvoroço entre os internautas. Publicada nas redes sociais, a filmagem mostra o jogador xingando e batendo em alguém caído no chão, que segundo quem divulgou, seria um taxista. No entanto, o atleta soltou uma nota oficial em seu Instagram afirmando que o agredido era seu irmão, e pediu desculpas pela violência. Não se sabe a data do ocorrido, apenas que se passou em Volta Redonda

Entre gritos, Dedé não economiza palavrões e ameaças. “Eu vou te dar um soco! Eu vou te matar, seu filho da p***”, grita Dedé para “Gleidinho”, apelido de seu irmão, que aparece imobilizado no chão.

Depois de os dois trocarem socos ainda no chão, a briga cessa após alguém revelar que um dos presentes estava filmando a cena, e não é possível ver mais nada por quase um minuto.

De acordo com Dedé, tudo aconteceu porque seu irmão o acertou com um tapa, dentro de um bar, após o zagueiro chamar sua atenção por causar confusão com pessoas que estavam no local.

“Após chamar a atenção dele, fui agredido com um tapa pelo próprio irmão, no qual acabou perfurando meu tímpano. Imediatamente, um amigo tomou as dores e quis agredí-lo e tudo que eu fazia no momento do vídeo, já na parte de fora do estabelecimento, era tentar separar a briga”, se explica o jogador.

À reportagem, o Cruzeiro não quis se pronunciar e disse que não comenta a vida particular dos atletas do clube.

Confira a nota completa de Dedé:

“Mesmo depois da fama continuei sendo um cara simples e humilde. Quem me conhece sabe da minha personalidade. Uma pessoa que assume quando erra, que fica feliz quando pratica o bem, que torce pelos amigos. Sou um Dedé transparente.

Quero deixar claro a todos que, infelizmente, como mostra um vídeo que ganhou repercussão na internet, sou eu envolvido em uma discussão. A pessoa que está caída é meu irmão Gleidson, que não é taxista, como disseram. Essa discussão entre nós aconteceu em Volta Redonda, após ele agredir verbalmente uma pessoa, dentro de um restaurante. Após chamar a atenção dele, fui agredido com um tapa pelo próprio irmão, no qual acabou perfurando meu tímpano.

Imediatamente, um amigo tomou as dores e quis agredí-lo e tudo que eu fazia no momento do vídeo, já na parte de fora do estabelecimento, era tentar separar a briga. Inadmissível a atitude dele e, como não havia sido a primeira vez, a raiva, como não deveria acontecer, superou os limites da serenidade.

Peço desculpas sinceras à pessoa que foi xingada pelo meu irmão e a quem mais presenciou este vídeo. Isso não é exemplo e aconteceu pela simples vontade de praticar o bem (sic)”.

Assista ao vídeo:

Leia tudo sobre: dedébrigafamíliairmãovídeocruzeirovolta redonda