Duas mulheres-bomba matam 4 pessoas em mercado na Nigéria

No sábado, em outro ataque com uma menina-bomba, 20 pessoas morreram em um mercado da cidade de Maiduguri, no nordeste

iG Minas Gerais | AFP |

Duas mulheres-bombas, entre elas uma de 15 anos, mataram neste domingo quatro pessoas em um duplo atentado no movimentado mercado de Potiskum, nordeste de Nigéria.

"Levamos seis corpos, entre eles o das duas camicases, para o hospital. Vinte e uma pessoas ficaram feridas nos ataques", afirmou uma fonte da segurança.

Segundo a fonte, as mulheres-bombas tinham cerca de 20 e 15 anos, respectivamente.

No sábado, em outro ataque com uma menina-bomba, 20 pessoas morreram em um mercado da cidade de Maiduguri, no nordeste.

A forte explosão da véspera sacudiu o "Monday Market" em um horário de muita movimentação.

No final de 2014, o "Monday Market" já tinha sido alvo de dois ataques mortais cometidos por terroristas suicidas.

Por ora, nenhum grupo reivindicou os atentados. No entanto, os ataques têm a marca do grupo islamita Boko Haram, que costuma usar mulheres e meninas para realizar seus atentados.

Mais cedo, neste domingo, duas explosões atingiram uma loja de celulares na localidade nigeriana de Potiskum, nordeste do país.

As explosões aconteceram com um intervalo de segundos, quando o lugar estava cheio de clientes, apesar de, até o momento, não haver notícias sobre o número de vítimas.

Na véspera, também em Potiskum, duas pessoas morreram na explosão de um carro-bomba contra uma delegacia.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave