Porta-voz de ministério diz que caixas-pretas do avião são encontradas

Representante de Tonny Budiono acrescentou que a recuperação dos dispositivos não foi possível porque eles se encontram sob os escombros do avião em si

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

The tail section of the Air Asia Airbus A320 flight QZ8501 is prepared to be loaded onto a truck at port in Kumai on January 11, 2015. Indonesian divers on January 11 found the crucial black box flight recorders of the AirAsia plane that crashed in the Java Sea a fortnight ago with 162 people aboard, the transport ministry said. AFP PHOTO / ADEK BERRY
AFP
The tail section of the Air Asia Airbus A320 flight QZ8501 is prepared to be loaded onto a truck at port in Kumai on January 11, 2015. Indonesian divers on January 11 found the crucial black box flight recorders of the AirAsia plane that crashed in the Java Sea a fortnight ago with 162 people aboard, the transport ministry said. AFP PHOTO / ADEK BERRY

Mergulhadores que participam do resgate do avião da AirAsia que caiu no mar de Java em 28 de dezembro encontraram as caixas-pretas da aeronave neste domingo (11).

Entretanto, os dispositivos ainda não puderam ser recuperados, disse o ministério de Transportes da Indonésia.

"Os mergulhadores da Marinha encontraram este instrumento tão importante, as caixas-pretas do AirAsia QZ8501", disse o porta-voz do ministério, Tonny Budiono, que acrescentou que a recuperação dos dispositivos não foi possível porque eles se encontram sob os escombros do avião em si.

Mais cedo, autoridades indonésias já haviam informado que acreditavam ter encontrado a fuselagem do avião e informaram que existia uma "grande possibilidade" que os dispositivos estivessem por perto.

"Se for o corpo do avião, então vamos primeiro retirar as vítimas. Depois vamos buscar pelas caixas-pretas", disse à agência de notícias Reuters Supriyadi, coordenador das operações para a Agência Nacional de Busca e Resgate.

A aeronave caiu no mar de Java em 28 de dezembro de 2014, quando ia de Surabaia (Indonésia) a Cingapura.

Desde então, buscas pelas caixas-pretas e pelos corpos dos passageiros têm sido feitas incessantemente na região, mas o mau tempo as tem prejudicado.

Até o momento, 48 cadáveres foram recuperados.

No sábado (10) a cauda do avião foi recuperada a cerca de 1 km do local onde sinais fracos e intermitentes emitidos pelas caixas-pretas foram identificados.

Leia tudo sobre: AirAsiaaviãoquedacaixa-preta