Governo vai revisar contrato

iG Minas Gerais |

A parceria público-privada do Mineirão foi assinada no fim do ano de 2010, no governo tucano de Antonio Anastasia. Agora, com a ascensão ao poder do petista Fernando Pimentel, a atual bancada da situação promete revisar o contrato do governo com a Minas Arena.

“O governador determinou uma auditoria completa em todos os contratos do Estado em 90 dias. Acho que o contrato do Mineirão tem que ser revisto, pois está funcionando mal, foi maléfico, saiu caro, os clubes ficaram no prejuízo e o Estado perdeu dinheiro pagando lucros da Minas Arena”, ressaltou o deputado estadual Rogério Correia (PT).

Ele avisou também que vai insistir na instauração na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Mineirão na Assembleia Legislativa. No ano passado, ele conseguiu reunir as 27 assinaturas necessárias, mas manobras de bastidores dos então deputados do governo fizeram a tramitação perder o prazo.

Novo secretário de Esportes do governo Pimentel, o deputado Pastor Carlos Henrique (PRB) informou, através de assessoria de imprensa, que está se inteirando dos assuntos da pasta antes de conceder entrevistas e tomar qualquer decisão sobre o assunto em questão. (TN)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave