Técnico do Flu entende sobrepeso de Walter, mas cobra responsabilidade

Cristóvão Borges também afirmou que o atacante terá que trabalhar muito para voltar ao peso ideal

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

RJ - FUTEBOL/FLUMINENSE/TREINO - ESPORTES - O jogador Walter durante reapresentação do elenco do Fluminense, no Estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro (RJ), nesta quarta-feira (7). A equipe se prepara para a temporada 2015. 07/01/2015 - Foto: MARCELLO DIAS/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
ESTADÃO CONTEÚDO
RJ - FUTEBOL/FLUMINENSE/TREINO - ESPORTES - O jogador Walter durante reapresentação do elenco do Fluminense, no Estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro (RJ), nesta quarta-feira (7). A equipe se prepara para a temporada 2015. 07/01/2015 - Foto: MARCELLO DIAS/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O técnico do Fluminense, Cristóvão Borges, concedeu, nesta sexta-feira, a sua primeira entrevista coletiva de 2015,  após o retorno aos trabalhos do time tricolor. E o treinador fez questão de comentar o excesso de peso do atacante Walter, na volta das férias. O comandante afirmou que entende que o jogador tem dificuldades para emagrecer, mas ao mesmo tempo pediu responsabilidade do atleta.

“Futebol é profissional, adulto. Não é colégio, somos adultos. Cada um tem sua responsabilidade e temos responder por ela", disse o treinador, que também lembrou a luta de Walter para perder peso após o recesso da Copa do Mundo, em 2014.

“Ano passado, quando o Fred foi para Copa, ele (Walter) jogou. Pelo recesso, demos uma folga e, essa folga, para ele não foi boa. Voltou acima e não teve a mesma performance. Perdeu espaço e saiu do time. É uma constante dele. Férias de um mês, veio, é visível, acima do peso,” lembrou.

Assim que se reapresentou ao Flu, na última quarta-feira, o atacante passou por exames e avaliação física. Logo em seguida, iniciou os exercícios aeróbicos e deu pelo menos cinco voltas completas no campo de treinamento do Flu.

Por outro lado, Cristóvão Borges não acredita que a solução  será afastar o atleta, até que ele recupere a forma física. Pelo contrário. O comandante espera que Walter trabalhe bem nessa pré-temporada, para atingir ao físico ideal, antes do início dos campeonatos.

“Terá de trabalhar bastante para recuperar as condições. Comigo é rendimento,” ressaltou Cristóvão.

Leia tudo sobre: walterfluminensecristovao borgespesopre-temporada