A voz da Massa

iG Minas Gerais |

Saudações alvinegras! Na reapresentação dos jogadores do Galo, tudo correu dentro da mais perfeita normalidade, como era esperado. Os jogadores todos estiveram presentes, exceto André, com quem já não contamos, e o clima era de descontração. Nas entrevistas, a tônica dos discursos era a responsabilidade de representar o Galo e a determinação de conquistar tudo que vier pela frente em 2015. Inclusive, Lucas Pratto, o maior reforço contratado no futebol brasileiro neste ano, falou nesse tom. Agora uma nova: eu não gosto de especulações, mas, se acontecer o que vem sendo anunciado e o atacante Vitinho, ex-Botafogo e atualmente no CSKA Moscou, acertar contrato com o Galo, caraca! Eu vou lhes dizer uma coisa, meus amigos, ninguém vai guentá, mesmo! Esse cará joga muito! Ainda que Tardelli saia, Vitinho e Pratto vão fazer gols desembolado.

A voz Celeste

Saudações celestes, nação azul. Não posso deixar de expressar meu descontentamento pelas saídas de Egídio e Nilton do elenco celeste. Devemos agradecer aos que se vão, afinal, saem com o dever cumprido: bicampeões brasileiros pelo Cruzeiro, tendo assim mais títulos nacionais que o 6a1o. Isso se não contarmos a Série B do outro lado. Certo? Egídio foi o melhor lateral-esquerdo por dois anos seguidos no Brasil, e Nilton, um verdadeiro tanque de guerra na conquista de 2013. Podemos ter outras baixas no elenco, entretanto, as permanências de Lucas Silva e de outros principais jogadores me deixam tranquilo. E repito meu discurso: teremos outra grande conquista em 2015. O maior de Minas é favorito em qualquer torneio e tem no mínimo dois títulos já conquistados nas competições que disputa. Isso é grandeza, tradição e história, o resto são palavras soltas ao vento!

 

Avacoelhada

A redistribuição dos jogadores por posição poderá evitar contratações desnecessárias, pelo menos para o Campeonato Mineiro. Inicialmente, são três laterais para cada lado. No direito: Patrick, Marcelinho e Robertinho. No esquerdo: Bryan, Carlos Renato e Williams. Patrick, Robertinho e Carlos Renato também jogam no meio de campo. Robertinho poderá disputar a condição de substituto de Andrei com Renato Bruno e Dopô. Patrick tem características ofensivas para exercer a função de meia-atacante pelas beiradas, no 4-2-3-1, ou de articulador centralizado, no 4-4-2. Caso seja preciso, disputaria a vaga com Júnior Lemos, Kaio, Renatinho, Pedrinho e Mancini. Carlos Renato também pode ser opção de meia-esquerda juntamente com Xavier e Patrick Allan. Williams seria alternativa de quarto-zagueiro para o time americano. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave