Suspeitos de ato terrorista podem estar cercados em uma casa

Os irmãos Kouachi foram vistos na manhã desta quinta-feira (8) dentro de um carro; polícia trabalha em uma equipe de busca no norte do país

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Os dois irmãos Kouachi suspeitos do atentado contra jornal satírico "Charlie Hebdo" estão sendo cercados em uma casa pela polícia francesa, nesta quinta-feira (8), no norte da França, a 80 km de Paris.

Os suspeitos foram vistos mais cedo quando estavam a bordo de um Clio cinza com armas de guerra, indicaram fontes próximas ao caso. Com isso, uma movimentação das forças de intervenção da polícia francesa está em andamento, neste momento, na região.

O carro usado pelo homens no ataque ao jornal francês foi localizado pela polícia nesta quinta-feira (8). Os investigadores encontraram dentro dele vários coquetéis molotov e duas bandeiras jihadistas.

"Isso demonstra, de uma parte, o radicalismo islâmico deles, e, de outra, que eles pretendiam outras ações com os coquetéis molotov", declarou a fonte.

Aguarde mais informações 

Atualizada às 12h11

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave