Cápsula do tempo de 220 anos é aberta nos EUA

Esta não foi a primeira vez em que a cápsula foi aberta. Segundo o museu, ela já havia sido encontrada em 1855

iG Minas Gerais |

Washington, Estados Unidos. Uma cápsula do tempo de 220 anos foi aberta na última terça-feira nos Estados Unidos e surpreendeu os cientistas. O objeto, deixado pelos heróis da independência norte-americana Samuel Adams e Paul Revere, foi descoberto em dezembro, durante uma obra contra infiltrações realizada no Massachusetts State House, prédio que abriga escritórios do governo. A caixa cheia de objetos deixada para ser descoberta no futuro, que pesava 4,5 kg e estava corroída e esverdeada pelo tempo, foi aberta meticulosamente por dois pesquisadores no Museum of Fine Arts de Boston. A primeira mensagem do passado encontrada foi uma placa de prata com inscrições. Em seguida, os pesquisadores descobriram cinco jornais da época dobrados. Além disso, foram encontradas 24 moedas, entre elas uma moeda cunhada em 1652 pelos colonos para desafiar a Inglaterra; uma medalha de bronze retratando George Washington; e uma de prata mostrando Paul Revere. Esta não foi a primeira vez em que a cápsula foi aberta. Segundo o museu, ela já havia sido encontrada em 1855. Nesse ano, os documentos da cápsula foram registrados, e ela foi limpa. Além disso, outros objetos foram acrescentados, e ela foi escondida novamente. Mas esta foi a primeira possibilidade de observar os objetos deixados com técnicas modernas. Segundo o museu, após a análise, a caixa será exposta ao público.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave