Protesto em obra do Move no bairro São Benetido, em Santa Luzia

Grupo questiona doação feita pela prefeitura para a instalação de uma plataforma de embarque

iG Minas Gerais | FELIPE CASTANHEIRA |

Moradores de um condomínio na Avenida Senhor do Bonfim, no bairro São Benedito, em Santa Luzia, pararam as obras de uma estação do Move, na tarde desta quarta-feira (7). Aproximadamente 30 pessoas participaram do protesto.

Segundo Iani de Oliveira, de 40 anos, a construção da estação estava parada, depois de uma decisão judicial que impedia a construção até uma decisão da justiça. De acordo com Iani, o acordo estava sendo respeitado até a esta semana, quando os trabalhos foram retomados.

Ela conta que as obras são feitas nos fundos do terreno do condomínio, depois que a prefeitura doou, de forma irregular, a área para a instalação da plataforma de embarque. A alegação dos moradores é que o espaço é usado há mais de 15 anos e tributado no IPTU.

O engenheiro responsável pela obra conversou com os manifestantes, que pretendiam subir nas máquinas como forma de protesto. Ele parou a obra e retirou uma das vigas colocas no local.

Os moradores também reclamam do forte fluxo de veículos na avenida ao lado do condomínio, que impede que pedestres consigam chegar a escola e ao pronto socorro que fica a poucos metros.

A reportagem tentou entrar em contato com a prefeitura de Santa Luzia, mas não conseguiu falar com os responsáveis pela liberação das obras.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave