Sada Cruzeiro terá série complicada em vários sentidos

Após 18 dias sem jogar, time celeste terá dois jogos, sendo um em Novo Hamburgo-RS e um em Taubaté-SP, num invervalo de dois dias

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Favorito, Sada Cruzeiro quer título para começar temporada com pé direito
Renato Araújo/Sada Cruzeiro
Favorito, Sada Cruzeiro quer título para começar temporada com pé direito

O caminho para ser campeão da Superliga masculina não é nada fácil. É uma trilha cheia de obstáculos, adversidades e trechos traiçoeiros. Além do alto nível de várias equipes, o calendário também se torna uma armadilha para os clubes. Todos estes elementos serão oponentes do líder Sada Cruzeiro no restante desta semana.

Após 18 dias desde o último desafio do time celeste, a vitória por 3 sets a 1 sobre o Montes Claros Vôlei, a equipe comandada por Marcelo Mendez terá dois compromissos num intervalo de dois dias.

Nesta quinta-feira, às 20h30, em Novo Hamburgo, o Sada encara o Voleisul-Paquetá Esportes-RS. Do Sul do país, a delegação azul vai para São Paulo, onde o Cruzeiro enfrenta o Funvic-Taubaté, no sábado, às 21h30.

“Essa parada que tivemos quebra um pouco o ritmo de jogo, mas a equipe precisava deste descanso. Todos voltaram muito bem. Agora é hora de retornar com tudo para a Superliga e a Copa do Brasil, que vamos começar a jogar nos próximos dias. Temos muito trabalho pela frente e temos que pensar jogo a jogo”, afirmou Mendez.

O líbero Serginho acredita que o longo período sem jogos pode dificultar a vida das equipes. Por isto, ressalta a superação neste momento.

“Eu espero uma partida difícil nesta quinta, principalmente pela falta de ritmo de jogo que as comemorações de Natal e Réveillon trazem. Por outro lado, a gente pôde descansar bastante, recarregar as energias e tenho certeza de que vamos melhorar gradativamente”, destacou.

Leia tudo sobre: Sada Cruzeiro