Bill Gates apresenta máquina que transforma fezes em água potável

Para demonstração, bilionário bebeu líquido que, minutos antes, era cocô

iG Minas Gerais | Da redação |

“Gosto de água”. Bilionário diz que o líquido gerado pela máquina é tão bom quanto o encontrado em garrafas e que o beberia todo dia
Reprodução YouTube
“Gosto de água”. Bilionário diz que o líquido gerado pela máquina é tão bom quanto o encontrado em garrafas e que o beberia todo dia

Nos últimos anos, o cofundador da Microsoft Bill Gates tem buscado, por meio da fundação que leva o seu nome, incentivar o desenvolvimento de tecnologias que solucionem alguns dos problemas enfrentados pelos países mais pobres do mundo – entre eles, o acesso a água potável. Levando o vídeo publicado na segunda-feira em seu blog em consideração, essa meta pode estar bem próxima de ser alcançada.  

O vídeo mostra o filantropo testando uma engenhosa, e gigante, máquina batizada de Omniprocessor, criada pela empresa Janicki Bioenergy. Nas imagens é demonstrado como a criação consegue transformar dejetos humanos em água potável. Ao fim, o próprio Bill Gates testa a engenhoca, bebendo um copo de água que até cinco minutos antes eram parte de fezes.

“Eu assisti a uma pilha de fezes entrar na esteira na máquina e ser jogada dentro de uma lata grande. As fezes fizeram seu caminho através da máquina, sendo fervidas e tratadas. Alguns minutos depois eu tive uma prova do resultado final: um copo delicioso de água potável”, escreveu o magnata em seu blog. “A água era tão boa quanto qualquer outra que eu bebi de uma garrafa. E tendo estudado a engenharia por trás do processo, eu a beberia feliz todos os dias. Ela é tão segura assim”, completou.

Gates explica em seu texto que a máquina resolve dois grandes problemas em países em desenvolvimento: destino das fezes e falta de água potável. Usando a máquina, comunidades carentes poderão evitar que dejetos humanos sejam jogados em rios e terão uma fonte de água confiável, além de poder usufruir da energia criada pelo Omniprocessor. De acordo com os criadores da máquina, ela é capaz de criar 86 mil litros de água por dia, além de 150 kw de eletricidade, a partir de dejetos de 100 mil pessoas.

Financiado pela fundação de Gates, o Omniprocessor será levado para Dakar, no Senegal, neste ano para um projeto piloto que oferecerá água potável para a população local.

Feira de tecnologia exibiu invenções ao alcance do público Foi aberta ontem ao público uma das mais importantes feiras de tecnologia do mundo. A Consumer Eletronics Show (CES) apresenta o rumo que as empresas da área vão seguir em 2015. O evento, que apresentou a engenhoca de Bill Gates, começou anteontem em Las Vegas (EUA) e é onde as grandes empresas demonstram que estão apostando nos gadgets versáteis, que vão de casas a mamadeiras inteligentes. A feira também apresentou máquinas de lavar, cafeteiras, lâmpadas e outros objetos que poderão ser acionados via smartphone e aplicativos. A tecnologia permitirá preparar o café sem ter ainda chegado em casa, mas pode enfrentar problemas, já que a fabricação de smartphones é feita por empresas diferentes.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave