Piloto polonês morre misteriosamente no Rali Dacar-2015

O participante foi encontrado morto no meio da prova, mas não apresentava nenhum sinal de acidente

iG Minas Gerais | AFP |

O piloto de moto polonês Michal Hernik (KTM) morreu nesta terça-feira durante a 3ª etapa do Rali Dacar-2015, disputado na Argentina, informou a organização da competição. "Em 6 de janeiro de 2015 morreu Michal Hernik, piloto polonês número 82, que foi encontrado sem vida no km 206 da terceira etapa entre San Juan e Chilecito (Oeste argentino). As circunstâncias de sua morte ainda não foram determinadas. O participante não apresentava nenhum sinal de acidente", explicou a organização em comunicado. "Um helicóptero-ambulância localizou o piloto a 300 m da pista, às 16h03. O médico a bordo constatou a morte do polonês, de 39 anos", completou. Hernik, que estave na 84ª posição na classificação, é o quinto participante a falecer desde que a corrida começou a ser disputada em terras sul-americanas, em 2009. No total, em 37 edições, o polonês se tornou a vítima de número 64.

Leia tudo sobre: rally dakarcorridamorteMichal Hernikluto