Mudar regras para mostrar mais serviço

Os vereadores Ronaldo Gontijo (PPS) e o líder do governo Preto (DEM) ficaram incumbidos de elaborar um estudo com as mudanças

iG Minas Gerais | HUMBERTO SANTOS |

Dentro da estratégia de mudar a imagem da Câmara, a Mesa Diretora também quer alterar o regimento interno. A ideia é mudar as regras para que as propostas possam tramitar mais rápido. Com isso, os parlamentares apresentariam maior produtividade no balanço de fim de ano.  

Os vereadores Ronaldo Gontijo (PPS) e o líder do governo Preto (DEM) ficaram incumbidos de elaborar um estudo com as mudanças. A alteração principal seria impedir que as reuniões sejam travadas por questionamentos dos vereadores contrários às propostas analisadas. A atual oposição seria a principal prejudicada com a mudança.

“Do jeito que está, favorece a oposição. O Iran Barbosa (PMDB) já abortou sozinho dez sessões. É legítimo que a oposição pare? É, mas só um vereador nãodá”, diz um parlamentar da base do prefeito Marcio Lacerda (PSB).

“Hoje é pouco produtivo. Favorece a não produção. Dá oportunidade só ao debate, e não avança”, diz Gontijo. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave