Danilo Pires acerta salário com o Galo e está perto de retorno

Volante destaque do Santa Cruz em 2014 atuou por pouco tempo na categoria de base do Atlético

iG Minas Gerais | FERNANDO ALMEIDA |

Volante Danilo Pires destacou-se no Santa Cruz com sete gols na Série B do Campeonato Brasileiro
DIVULGAÇÃO/SANTA CRUZ
Volante Danilo Pires destacou-se no Santa Cruz com sete gols na Série B do Campeonato Brasileiro

Danilo Pires está perto de ser confirmado como o segundo reforço do Atlético para a temporada 2015. Em contato com o Super FC, o volante de 22 anos assegurou que as conversas estão avançadas, faltando apenas "algumas cláusulas serem acertadas" para a transferência ser confirmada.

Os valores de salários e luvas já estão acertados entre as partes e o jogador desembarcará em Belo Horizonte até o dia 7 (data da reapresentação do Galo) para fazer exames médicos e assinar contrato. Danilo está em férias em sua cidade natal, São Luís, capital do Maranhão.

"Já está tudo acertado (financeiramente). Estão faltando alguns detalhes, algumas cláusulas. Falta bem pouco. Estou esperando uma resposta do João Feijó (empresário), que está conversando com o Atlético", afirmou Danilo Pires, em entrevista ao Super FC.

O Atlético precisou vencer concorrentes para convencer Danilo a negociar mais fortemente com o clube alvinegro. Contudo, um fator importante foi primordial para que o meio-campista virasse seu olhar para a Cidade do Galo.

Apesar de ter feito boa parte de sua formação no Corinthians de Alagoas, Danilo passou pelo centro de treinamento do Galo, onde ficou por oito meses. Seu primeiro clube profissional foi o River Plate, do Uruguai.

"Apareceram vários clubes interessados no meu futebol, mas eu dei prioridade ao Atlético, pois eu conheço mais. Passei pela base do clube, fiquei uns oito meses apenas. Depois eu fui me profissionalizar no Uruguai", contou o volante.

Além de alguns clubes da Série B, como Ponte Preta e Joinville - ambos subiram para a elite nacional -, Internacional, Fluminense e Atlético-PR procuraram o empresário João Feijó, responsável pela carreira do volante.

Titularidade. No Atlético, Danilo Pires terá forte concorrência para uma vaga entre os titulares. No fim da última temporada, Leandro Donizete, Rafael Carioca e Josué rodavam entre os 11 principais, com o primeiro tendo maior participação. Além destes três, o técnico Levir Culpi também tem à disposição Pierre - antigo titular -, Eduardo e Lucas Cândido, que passou 2014 recuperando-se de lesão.

Apesar disto, Danilo está otimista e mostra que absorveu um pouco do "jeitinho mineiro" durante sua passagem pela Cidade do Galo.

"A expectativa é boa. É um clube grande, com muitos títulos e um grupo forte. A concorrência vai ser dura, mas trabalhando a gente consegue tudo. Vou no estilo mineiro, aos poucos, comendo pela beirada. Espero chegar ao meu objetivo, que é a titularidade e títulos", disse.

Levir. Outro fator que fez Danilo olhar com mais atenção para o Atlético foi o técnico Levir Culpi. Em 2014, o comandante usou boa parte do elenco no Brasileirão enquanto a avançava na Copa do Brasil, fato que animou o volante.

"Não cheguei a trabalhar com o Levir (Culpi). Mas sei que é um belo técnico, que sempre dá oportunidade para todos. E quando eu tiver meu espaço irei agarrar com todas as forças, mostrar o meu valor", comentou.

Carreira. Danilo Pires fez a maior parte de sua base no Corinthians-AL e profissionalizou-se no River Plate, do Uruguai. Retornou ao clube alagoano em 2012 rodou o Nordeste por empréstimo (Olinda-PE, CSE-AL, Chã Grande-PE, Santa Rita-AL e Central-PE) até chegar ao Santa Cruz - também por empréstimo -, onde foi destaque com sete gols na Série B 2014.

Leia tudo sobre: atleticogalodanilo piresinternacionalponte pretafluminensejoinville