Após desejar 'feliz ano novo', homem executa outro dentro de bar em MG

Polícia Militar (PM) não soube explicar motivo da discussão, mas testemunhas explicaram que vítima fazia uso de bebida alcoólica

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

A festa para festejar o ano novo em um bar de Juiz de Fora, na Zona da Mata, em Minas Gerais, terminou em homicídio na madrugada desta quinta-feira (1º). Um homem que aproveitava a festa foi executado a tiros após se envolver em uma briga e escutar o autor dos disparos desejar "feliz ano novo" pra ele. O suspeito do crime ainda não foi localizado.

Conforme informações da Polícia Militar (PM), Flávio Augusto, de 42 anos, estava em um bar localizado na avenida dos Andradas, no Centro do município, na companhia de amigos. Testemunhas contaram para à polícia que a vítima e as pessoas que estavam na companhia dela faziam uso de bebida alcoólica.

Após algum tempo no local, a vítima se envolveu em uma briga com outro homem dentro do bar. O motivo da discussão não foi esclarecido. Em seguida, o suspeito saiu e voltou com uma arma, desejou "feliz ano novo" à vítima e disparou duas vezes.

A perícia técnica da Polícia Civil constatou que Flávio morreu após ser baleado duas vezes na cabeça. Uma unidade de socorro médico chegou a ser acionada, mas a vítima morreu no local. Testemunhas passaram características do suspeito para à polícia, porém ele não foi localizado ainda.

A informação inicial de que o autor dos disparos seria companheiro da vítima não foi confirmada.

Leia tudo sobre: Juiz de Fora; homicídio;