Grupo de ocupação protesta e se acorrenta na porta da prefeitura de BH

Moradores, que são da ocupação Nelson Mandela, no aglomerado da Serra, são contra uma ordem de despejo

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Cerca de 40 moradores de uma ocupação de Belo Horizonte fazem um protesto e se acorrentam na porta da prefeitura da capital na manhã desta terça-feira (30). Eles são contra uma possibilidade de despejo da ocupação Nelson Mandela, no Aglomerado da Serra, na região Centro-Sul de BH.

Por meio de nota, o líder comunitário Frei Gilvander informou que o terreno ocupado, ao lado da avenida Cardoso, era usado antes para desova de corpos e estupros. Conforme ele, em fevereiro deste ano, a prefeitura ajuizou uma ação de reintegração de posse alegrando que a área é pública e será usada para a construção de um parque.

No último dia 19, o juiz da 3ª Vara da Fazenda Pública Municipal ordenou o despejo das 50 famílias que vivem no terreno. Já no dia 23, um juiz de plantão ordenou a suspensão da ordem de despejo.

Segundo militares do 1º Batalhão de Polícia Militar, nenhuma viatura foi deslocada para a avenida Afonso Pena.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave