O que se pode esperar de 2015

Especialistas apontam desafios e possibilidades para a humanidade

iG Minas Gerais | Ana Elizabeth Diniz |

Há quem acredite e quem não dê a mínima para as previsões que se descortinam a cada ano que vinga.

Não se trata de antecipar catástrofes e fatalidades, perscrutar a intimidade de famosos, mas apontar potenciais, evitar desperdício de energia e tentar focar a qualida de de vida, a evolução espiritual. Mais uma vez, O TEMPO ouviu especialistas em diversas áreas para saber como cada ser pode se apropriar dessa vibração que permeia o sutil e fazer um Ano Novo que valha a pena. Eles trazem um pouco de luz, descortinam os véus de mais uma etapa na caminhada da humanidade. Não há unanimidade entre os especialistas, mas, pelo andar da carruagem, podem-se prever turbulências, desafios, mas um ano bom. A mensagem do arcanjo Gabriel, de acordo com a angelóloga Consolação Monducci, diz que 2015 vai exigir muito da humanidade, independentemente das crises mundiais, e que o papel individual terá importância significativa. Depois de um ano energético, regido pelo cavalo, dentro do horóscopo chinês, quem vai dar as coordenadas em 2015, de acordo com Maristela Botelho, presidente do Instituto Mineiro de Tai Chi e Cultura Oriental, é a cabra, simbolizando harmonia, equilíbrio e quietude. Sua regência começa em 19 de fevereiro de 2015 e termina em 7 de fevereiro de 2016. O ano da cabra tem polaridade yin, que simboliza paz, coexistência harmoniosa e tranquilidade. Esse é o estado de espírito primordial e fundamental para este ano, um período de paz e harmonia entre as pessoas, favorecendo os relacionamentos e laços afetivos. Sorte, fartura e sucesso são o que sinaliza o orixá Oxóssi que vai reinar soberano no próximo ano, revela Geraldo Chamone, espiritualista e tarólogo. Oxóssi atua para o bem estar físico e espiritual dos seres humanos. É o orixá da fartura e da riqueza. Momentos de tensão, disputas, competitividade e confrontos são o que representam a energia do número oito, que vai vibrar através da soma de 2015. A numeróloga Aparecida Liberato comenta que um ano oito sinaliza mais progresso, realizações profissionais e prosperidade material. Graziella Marraccini, astróloga e taróloga, explica que o planeta vermelho, Marte, vai reger o novo ano. As pessoas se tornam iradas, raivosas e podem provocar muitos danos em si próprios e nos outros. Marte trará uma energia muito poderosa, que poderá ser usada tanto para o bem quanto para o mal. Não fique parado esperando as coisas acontecerem. O momento pede mudanças em todos os níveis da existência.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave