Robertão começa a mudar de atitude

Malandro encontrou o amor e vai deixar a vida de preguiça para se casar

iG Minas Gerais |

Rômulo Neto conta que seu personagem vai, inclusive, sair de casa
Globo
Rômulo Neto conta que seu personagem vai, inclusive, sair de casa

São Paulo. Encostado, largado e interesseiro. Mas muito charmoso. Esses são alguns dos adjetivos dados a Robertão (Rômulo Neto), o galã desleixado de “Império” (Globo), que deixou de ser apenas o irmão gostosão de Maria Isis (Marina Ruy Barbosa) para ganhar destaque na trama. “Construí esse personagem com um tom de humor que leva as pessoas a terem empatia por ele”, comenta o ator. “Trouxe à tona também o lado ingênuo de Robertão e, com isso, o jeito infantil, malandro e preguiçoso dele ficaram expostos”, complementa.

Fazendo striptease por dinheiro, deixando de tomar banho e até mesmo cogitando ter um relacionamento gay de fachada por grana, Robertão foi, aos poucos, ganhando o carinho do público, que passou a torcer para que o personagem mudasse de vida.

E foi o que aconteceu. O rapaz se transformou ao conhecer a jornalista Érika (Letícia Birkheuer). Por ela, o malandro até resolveu arranjar um emprego. “Acredito que Robertão tenha encontrado o melhor dos motivos para mudar de vida: o amor. Vejo que, de fato, ele se conectou com sua essência”, filosofa Rômulo.

A coisa ficou tão séria que Robertão já insiste para que Érika se case com ele, mas a jornalista se esquiva. “Pois, então, pode tirar teu cavalinho da chuva, porque, se quiser continuar me pegando, vai ter que casar comigo de papel passado e me dar pelo menos meia dúzia de remelentinhos!”, disse o personagem, em cena.

Segundo o ator, daqui para a frente, a vida de Robertão tende a melhorar e, fazendo sucesso como modelo, o rapaz vai, finalmente, livrar-se da terrível influência dos pais, Magnólia (Zezé Polessa) e Severo (Tato Gabus Mendes). “Pela primeira vez, ele terá independência total e vai querer sair fora daquela casa, daquele ambiente pesado, e viver a própria vida. Ele vai cortar o cordão umbilical”, adianta.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave