Erro em kit da São Silvestre gera reclamações entre corredores

Na etiqueta de identificação, usuários relataram que estava escrito "Volta Internacional da Pampulha" ao invés do nome da corrida

iG Minas Gerais | Folhapress |

Yescom, organizadora do evento, informou que 1.800 dos 30.000 kits apresentaram erro
Yescom/Divulgação
Yescom, organizadora do evento, informou que 1.800 dos 30.000 kits apresentaram erro

A entrega do kit aos inscritos da São Silvestre começou no sábado (27) em São Paulo, no Ginásio Ibirapuera. A tradicional corrida, que terá largada das 7h45 (atletas cadeirantes) às 9h da próxima quarta (31), chega neste ano à edição de número 90.

Pouco depois da abertura dos portões, às 9h, e com os primeiros kits entregues, alguns corredores notaram um erro no material e se manifestaram sobre ele em seus perfis em mídias sociais.

Na etiqueta de identificação, onde estão o número e o nome do atleta, além de abas destacáveis para guarda-volumes e retirada de medalha, em vez de "São Silvestre" está escrito "Volta Internacional da Pampulha".

Mensagens como "Não basta ser a corrida mais cara, tem que ter uma cag... no kit. Vou correr a São Silvestre, não, pera, Volta da Pampulha. Vergonha alheia" e "Yescom, é isso mesmo!!! Pampulha e São Silvestre" deram o tom da chiadeira.

A empresa Yescom, que organiza tanto a corrida da Pampulha, em Belo Horizonte (a última realizada no início de dezembro), quanto a São Silvestre, confirmou ter havido erro na hora da impressão do material. Dos 30 mil kits, cerca de 1.800 saíram com o erro.

"Isso não interfere na inscrição do atleta ou no resultado, já que ele tem seu numeral correto no chip. Também não interfere na utilização do guarda-volumes, nem na retirada da medalha", informou a empresa por meio de sua assessoria de imprensa.

Na manhã de domingo (28), a empresa publicou em sua página no Facebook um comunicado chamando o problema de "bug" e avisando que as etiquetas erradas poderiam ser trocadas no mesmo local de retirada do kit.

A inscrição para a São Silvestre custa R$ 135. O kit é composto por material de identificação, incluindo um chip que reúne as estatísticas do corredor na prova, além de camiseta e brindes de patrocinadores.

Leia tudo sobre: atletismosão silvestrekiterrocorredorvolta da pampulhayescom