Após receber alta, Reginaldo Leme volta ao trabalho

Jornalista deu entrada há uma semana no hospital Albert Einstein com embolia arterial e arritmia cardíaca

iG Minas Gerais | Folhapress |

Reginaldo Leme é considerado um dos maiores repórteres de Fórmula 1
Divulgação/ Twitter
Reginaldo Leme é considerado um dos maiores repórteres de Fórmula 1

Quatro dias após receber alta, o jornalista Reginaldo Leme, 66, retornou ao trabalho. No sábado (27), Leme publicou sua primeira nota desde a internação em seu blog.

O jornalista deu entrada no último domingo domingo (21), no hospital Albert Einstein, em São Paulo, com oclusão arterial aguda --embolia arterial (trombose)-- secundária a uma arritmia cardíaca.

Reginaldo Leme recebeu alta na manhã da quarta-feira (24). Antes de deixar o hospital, ele escreveu uma mensagem nas redes sociais para agradecer o carinho que recebeu durante a sua internação.

"Amigos, agradeço carinho e mensagens de todos. Eu, do hospital, Daniela e equipe na gráfica, encerramos mais anuário. Aí vai a capa em primeira mão", escreveu o jornalista, acompanhado da foto da capa da edição anual de sua revista sobre automobilismo.

Leme começou a carreira em 1968, em "O Estado de S. Paulo", e foi para a TV Globo em 1978, onde desde então trabalha em transmissões de F-1. O jornalista ainda apresenta o programa "Linha de Chegada", no SporTV.

Leia tudo sobre: reinaldo lemeinternaçãosão pauloalbert einsteintrombosealta