A voz da Massa

iG Minas Gerais |

Saudações alvinegras! Lucas Pratto veio à sede do Galo, gostou do que viu e já voltou para a Argentina. Em janeiro de 2015, ele se reapresenta ao clube junto com os demais jogadores, quando será apresentado oficialmente à imprensa e ao torcedor. Durante esse pouco tempo de estadia em Beagá, Pratto já criou empatia com a Massa alvinegra. Deu autógrafos, mostrou humildade e disposição, elogiou a magnífica estrutura do Galo e foi todo amores com a torcida. Eu disse aqui que esse hermano cairia logo nas graças da torcida atleticana, mas vou além: acho que Pratto vai marcar época no Galo e conquistar muitos títulos por aqui. A Massa não vê a hora de assistir à máquina alvinegra 2015 em campo. “Ninguém vai guentaaar”. O abraço hoje vai para os amigos Catireba, Cadin, Capota e mestre Lú, lá do Iapi. Essa turma de nomes esquisitos é da melhor qualidade. Valeu galera!

A voz Celeste

Saudações celestes, nação azul. O ano está chegando ao fim, e vejo uma preocupação da torcida pela ausência de reforços no elenco celeste. Não posso negar que isso também me preocupa. Manter o elenco é um fator importante pelo entrosamento, e acho até que já vamos começar o ano largando na frente por isso. Andaram falando de saídas, e, até agora, não vi nenhum dos nossos grandes craques serem negociados. Em outros tempos, todo o elenco já teria sido vendido. O Cruzeiro é um dos grandes clube do futebol brasileiro. Atualmente, o melhor e a grande vitrine para jogadores que almejam alto. Por isso, não acho que teríamos grandes dificuldades em trazer nomes que seriam importantes para a Libertadores e para o resto da temporada 2015. Não seria a hora de sairmos do mercado nacional e buscarmos aqueles “sangue no olho” latinos? Quem sabe achar um novo Sorín para incendiar o grupo.

Avacoelhada

A equipe americana para o Mineiro de 2015 deve conter no máximo 28 integrantes, a fim de evitar focos de insatisfação, devido ao não aproveitamento nem entre os reservas durante os treinamentos. Desse modo, as possibilidades de todos os jogadores participarem dos coletivos serão maiores. Aliás, era bastante previsível a não renovação dos contratos do Lucena, Doriva, Magrão, Ricardinho, Bruninho e Júnior Negão. Ainda assim, apesar de não terem demonstrado performance de alto rendimento, continuaram a participar do time reserva nos coletivos, da lista dos relacionados e até entraram em algumas partidas. Diego, Júnior Lemos, Patrick, Bruno Sávio e Rubens poucas vezes participaram dos coletivos e foram convocados para os jogos. O desenvolvimento dos pratas da casa seria um grande reforço para a próxima temporada. Feliz Natal para todos!

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave