‘Ela terá que responder por tudo’

iG Minas Gerais |

Brasília. Horas após a presidente Dilma Rousseff declarar apoio à continuidade de Graça Foster no comando da Petrobras, líderes da oposição reagiram. Para os oposicionistas, Dilma passa a responder diretamente pelas irregularidades na estatal. “Essa insistência em manter a diretoria caracteriza um vínculo acima do esperado. Diante desse fato, a presidente passa a assumir 100% de tudo o que for praticado na Petrobras pela Graça Foster. Ela passa a responder por tudo o que foi feito por essa quadrilha”, disse o deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO).

Para o líder do PSDB na Câmara, Antônio Imbassahy (BA), a manutenção de Graça Foster no comando deixa a Petrobras sem autonomia para fazer uma investigação sem limites. Segundo o tucano, a presidente da empresa foi omissa e conivente com o esquema.

Já o líder do DEM na Câmara, Mendonça Filho (PE), afirmou que a fala de Dilma aumenta o descrédito da empresa. “Esse comportamento da presidente Dilma expressa todo o descrédito de uma empresa jogada em um verdadeiro mar de desvios e irregularidades”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave