Auckland City vence Cruz Azul e termina Mundial em tercei

Equipe da Oceania conseguiu resultado histórico ao deixar para trás equipe de maior qualidade técnica e investimento

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Equilíbrio do jogo forçou decisão nos pênaltis
FIFA - DIVULGAÇÃO
Equilíbrio do jogo forçou decisão nos pênaltis

O Auckland City fez história e é o responsável pelo melhor resultado da história da Oceania. Neste sábado, o time da Nova Zelândia venceu o Cruz Azul, do México, nos pênaltis (4 a 2) e conquistou a terceira posição no Mundial de Clubes, que acontece no Marrocos. O jogo foi disputado na cidade de Marrakech.

Depois de empatarem no tempo normal em 1 a 1, a partida foi para a prorrogação, quando os dois não conseguiram marcar e decidir a partida após 120 minutos.

A decisão, então, teve que ir para as penalidades. O Cruz Azul, então, mostrou que não estava com o 'pé na forma'. Errou duas penalidades, com destaque para o goleiro Spoonley, que acabou virando herói da medalha de bronze.  Nas semifinais, o Auckland perdeu para o San Lorenzo-ARG, por 2 a 1, na prorrogação. Já o Cruz Azul foi goleado pelo Real Madrid por 4 a 0.  Ao contrário dos finalistas, que fizeram sua estreia na semifinal, a disputa de terceiro lugar teve em campo equipes que entraram no torneio nas quartas-de-final, precisando de um jogo a mais para conhecer sua classificação final.