Paulo Coelho oferece US$ 100 mil para ter 'A entrevista' no blog

Sony Pictures decidiu cancelar o lançamento da paródia sobre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, depois que cresceram as suspeitas de que Pyongyang ordenou o ciberataque

iG Minas Gerais | AFP |

Divulgação
undefined

O escritor Paulo Coelho ofereceu US$ 100 mil pelos direitos da comédia "A entrevista" e prometeu divulgá-la gratuitamente em seu blog, depois que a Sony desistiu de estreá-la em meio a ameaças de atentados contra quem for vê-la.

"Ofereço a @SonyPictures 100k [US$ 100 mil] pelos direitos de 'A entrevista' Vou postá-la grátis no meu blog. Pf entrem em contato comigo via @SonyPicturesBr", publicou Paulo Coelho, em inglês, em sua conta do Twitter.

Paulo Coelho acrescentou que sua oferta vale até meio-dia de sexta-feira. "Vocês recuperam 0,01% do orçamento e eu posso dizer 'não' às ameaças terroristas", tuitou, também em inglês.

Na última quarta-feira, a Sony Pictures capitulou e decidiu cancelar o lançamento natalino de "A entrevista", uma paródia sobre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, enquanto crescem as suspeitas de que Pyongyang ordenou o ciberataque de novembro passado contra os estúdios de Hollywood.

As principais redes de cinema se recusaram a projetar o filme, e a Sony admitiu "não ter planos para estrear no futuro".

O filme trata de um complô orquestrado pela Agência Central de Inteligência (CIA) para matar Kim Jong-un, aproveitando que dois jornalistas americanos interpretados por James Franco e Seth Rogen conseguem uma permissão para entrevistar o líder norte-coreano.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave