Deputados eleitos são diplomados pelo TRE

Marília Campos (PT) e Ricardo Faria (PCdoB) participarão de sessão solene que terá a presença de todos os integrantes da Corte Eleitoral

iG Minas Gerais |

Deputados estaduais. Marília Campos e Ricardo Faria, ambos de Contagem, também serão diplomados
Divulgação
Deputados estaduais. Marília Campos e Ricardo Faria, ambos de Contagem, também serão diplomados

A Justiça Eleitoral de Minas Gerais diploma, nesta sexta-feira (19), às 17h, no Grande Teatro do Palácio das Artes, os candidatos eleitos em 2014 por Minas Gerais. Serão diplomados 135 eleitos, na seguinte ordem: o governador Fernando Pimentel e o vice Antônio Andrade, o senador Antônio Anastasia, com os respectivos 1º e 2º suplentes, 53 deputados federais e 77 deputados estaduais.

Entre os 77 deputados eleitos para a 18ª Legislatura, que assumem o mandato em 1º de fevereiro de 2015, foram eleitos por Contagem Marília Campos (PT) e Ricardo Faria (PCdoB). A Assembleia de Minas terá 26 novos deputados - um índice de 33,77% de renovação. Dos 64 atuais deputados estaduais que se candidataram à reeleição, 51 foram vitoriosos – um índice de 79,69%.

A sessão solene, com a presença de todos os integrantes da Corte Eleitoral, será presidida pelo desembargador Geraldo Augusto de Almeida, presidente do TRE-MG, e contará com representantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário do Estado.

O acesso ao Grande Teatro do Palácio das Artes se dará mediante convite encaminhado aos diplomandos pelo Cerimonial do TRE-MG. A TV Assembleia exibirá a solenidade ao vivo.

Os três primeiros suplentes de deputado federal e estadual não serão diplomados na sessão solene, mas poderão receber o documento no Tribunal no dia 19 de janeiro, em sessão no Auditório do TRE, ainda com horário a definir.

Entrega dos diplomas

A diplomação dos eleitos é um ato previsto na legislação eleitoral e pode ser realizada, segundo o Calendário Eleitoral, até o dia 19 de dezembro. O ato consiste na entrega do diploma aos eleitos, um documento oficial emitido pelo TRE, assinado pelo presidente da instituição, e que é condição para a posse no próximo ano. Os diplomas que serão entregues nesta sexta-feira têm uma nova identidade visual, inspirada nas grades do Palácio da Liberdade. No documento deve constar, além do nome do candidato, a indicação da legenda partidária ou coligação sob a qual concorreu e o cargo para o qual foi eleito ou a sua classificaçã[/NORMAL]o como suplente.

Ricardo Faria

Vereador por dois mandatos em Contagem, sendo o mais votado em 2012, Ricardo Faria assume seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa de Minas Gerais em 2015. Fisioterapeuta e terapeuta ocupacional, foi secretário de Saúde de Contagem, a convite do prefeito Carlin Moura.

Realiza também trabalho voluntário desde 2007, na Associação Cuidar Bem, na reabilitação de pacientes com necessidade de atendimento fisioterápico. A instituição atende 600 pacientes por mês. Foi eleito com 44.758 votos.

Marília Campos

Marília Aparecida Campos assume, em 2015, seu segundo mandato na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Conquistou seu primeiro mandato legislativo em 2000, ao se eleger vereadora em Contagem com 3.463 votos. Antes disso, em 1996, candidatou-se para a prefeitura do município e, em 1998, para o cargo de deputada estadual, ficando na terceira suplência. Foi deputada estadual na 15ª Legislatura (2003-2004), renunciando ao mandato em dezembro de 2004 para assumir a Prefeitura de Contagem, sendo a primeira mulher eleita para governar o município. Em 2008, foi reeleita para o cargo. É psicóloga, formada pela Universidade Federal de Minas Gerais. Foi eleita com um total de 78.801 votos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave