São Paulo negocia contratação de lateral-direito do Fluminense

Bruno tem contrato com o Flu até o dezembro de 2016, mas a equipe carioca está disposta a liberar o jogador, em troca de uma compensação financeira

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

O São Paulo nega que está tentando contratar o lateral Bruno
Nelson Perez / Fluminense F.C.
O São Paulo nega que está tentando contratar o lateral Bruno

O São Paulo está acertando a contratação do lateral-direito Bruno, 29, do Fluminense. Apesar de manter sigilo sobre a negociação, a diretoria são-paulina já teve sinal positivo do atleta e do clube carioca.

Bruno tem contrato com o Fluminense até o dezembro de 2016, mas a equipe carioca está disposta a liberar o lateral-direito antes em troca de uma compensação financeira. Um dos motivos para não dificultar a saída do atleta é o fim do patrocínio que tinha com a Unimed desde 1999.

O vice-presidente de futebol do Fluminense, Mário Bittencourt, admitiu em entrevista coletiva na terça-feira (16) que as conversas com o São Paulo estão bem adiantadas para a saída de Bruno.

Já a diretoria tricolor não comenta sobre o assunto. A estratégia tem sido adotada para evitar que nomes que interessem ao clube ganham valorização ou concorrência de outros clubes, dificultando o acerto. Assim, os cartolas querem repetir o que foi feito com Carlinhos, contratado do Fluminense há uma semana, sem alarde.

A lateral direita é um setor que preocupa Muricy Ramalho. Atualmente, o único jogador de ofício é Auro, 18, reserva. O volante Hudson e o zagueiro Paulo Miranda tem sido aproveitados no setor, revezando a titularidade.

Segundo Ataíde Gil Guerreiro, vice-presidente de futebol do São Paulo, o foco é ter um elenco numeroso, com dois ou três atletas por setor. O cartola, no entanto, não confirma a vinda de Bruno.

Leia tudo sobre: brunosao paulofluminensecontrataçao2015