Luan relembra final mineira e provoca o Cruzeiro: “Eles tremem mesmo"

Atacante atleticano comentou sobre o gol marcado na decisão da Copa do Brasil, mas pregou paz entre as torcidas

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
undefined

De férias do futebol, o atacante Luan ainda vive sob os efeitos da conquista da Copa do Brasil em cima do arquirrival Cruzeiro. O atacante relembrou os gols decisivos que marcou no torneio e não perdeu a chance de provocar a Raposa.

Em entrevista ao Esporte Espetacular, da TV Globo, o 'Maluquinho' atleticano brincou com a rivalidade entre Galo e Raposa, repetindo e concordando com um dos bordões da Massa alvinegra. No entanto, ele deixou claro que tudo não passa de provocações sadias, pregando a paz entre as torcidas.

“Eles tremem mesmo, pior que tremem um pouquinho, né? Essas coisas no futebol que são bacanas, as provocações. Eu pedi desculpas para que o torcedor entenda que é uma provocação para o bem... Não pra ter uma briga, uma desavença entre os torcedores. Eu quero que o futebol brasileiro seja sempre de paz”, disse.

Luan foi o artilheiro do Galo na Copa do Brasil, com cinco gols marcados. Um deles foi na primeira partida da final contra o Cruzeiro, em pleno Independência lotado. Ele balançou as redes azuis logo aos oito minutos de jogo e ajudou o Atlético a conquistar o título inédito.

Leia tudo sobre: luanatleticocruzeirofinalgoltremefutebolcopa do brasilprovocaçãotorcidarival