Ex-prefeito de Patrocínio é preso suspeito de estuprar criança

Vítima, de 7 anos, contou para coleguinha, filha do suspeito, o que teria acontecido e ela teria falado que o pai já fez o mesmo com ela

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

O ex-prefeito de Patrocínio, na região do Alto Paranaíba, Júlio César Elias Cardoso, 55, foi preso na noite desse sábado (13), em sua casa, suspeito de estuprar uma menina de 7 anos, colega de sua filha.

A mãe da vítima foi quem acionou a Polícia Militar (PM), após a filha chegar em casa contando que o suspeito ficou sozinho com ela e mandou que ela colocasse a boca no pênis dele. Ela teria se recusado e ele falou com mais agressividade e a menina obedeceu.

Depois do ato, a vítima contou para a coleguinha, filha de Cardoso, o que teria acontecido e ela teria falado que o pai também já tinha feito o mesmo com ela.

As duas meninas costumam brincar juntas na casa do político, na rua Cesário Alvim, no bairro São Francisco.

A PM localizou Cardoso em casa e ele foi encaminhado para delegacia. Contudo, o homem negou que tenha se aproximado da menina, dizendo que pela manhã, ingeriu bebida alcoólica com a mulher e que no período da tarde ficou em seu quarto de cueca, vestido com um roupão, vendo a menina apenas de longe, em sua casa.

Leia tudo sobre: meninaestuproex-prefeitocoleguinha