Professor de direito da PUC Minas e família serão enterrado neste domingo

Família seguia de Belo Horizonte para Nova Lima, quando sofreu o acidente na BR-040; chovia no momento da fatalidade

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Suspeita é de perda do controle da direção devido à chuva
MOISES SILVA / O TEMPO
Suspeita é de perda do controle da direção devido à chuva

O coordenador do curso de direito da PUC Minas, a mulher e os filhos de 6 e 8 anos serão velados e enterrados, na tarde deste domingo (14), no Cemitério Bosque da Esperança, no bairro Jaqueline, na região Norte de Belo Horizonte.

A família morreu em um acidente, na noite desse sábado (13). O advogado Guilherme José Ferreira da Silva, 40, conduzia um Mitsubishi Outlander pela faixa da esquerda, no sentido Rio de Janeiro. Em um dado momento, ele mudou de pista, mas depois retornou bruscamente para a esquerda, quando perdeu o controle da direção, na altura do no KM 557 e bateu em uma árvore no canteiro central, segundo testemunhas.

O carro não estaria em alta velocidade, mas uma das possibilidades é que ele tenha aquaplanado. O acidente ocorreu no início de uma subida, em um trecho em curva. 

Com a colisão, além de Silva, a mulher dele, a bancária Flávia Ferreira Medeiros, 39, e os filhos Mateus Medeiros Silva, 6, e Vitor Medeiros Silva, 8, morreram.

"Ele (Guilherme) era muito tranquilo, não corria", lembrou um familiar das vítimas. 

 

Pelas redes sociais conhecidos lamentam a morte da família. "Muito triste o trágico falecimento do professor Guilherme José, coordenador da Faculdade Mineira de Direito (PUC/MG) e de sua família. Que Deus os auxilie na passagem e conforte familiares e amigos", postou um advogado e professor pelo Facebook.

"Ah, Gui... era muito bom ter você junto a nós! Que alegria para o meu coração foi ter lhe conhecido... Obrigada pelo apoio nos momentos difíceis, pelas risadas nos momentos felizes, pelo incentivo ao aprimoramento, pela confiança e pelo carinho. Você construiu uma linda família ( Flávia Ferreira Medeiros, Vítor e Mateus)! E com ela retornou aos planos superiores... Obrigada por nos permitir ver seu exemplo como marido apaixonado, como pai exemplar, como um homem digno e batalhador. Nos nossos corações, agora, a dor... em breve a saudade! Por certo nos reencontraremos, meu amigo. Que Deus acolha vocês com os braços abertos... e que um dia, possamos nos abraçar novamente e dialogar sobre uma sociedade mais justa e fraterna!", despediu-se uma internauta.

 
"Amigos inestimáveis! Guilherme sempre estará conosco, pois sua alegria, competência e amizade nos marcou profundamente, ficando para sempre em nossos corações! Estou muito sentido, pois sei que fará falta a todos nos! Os desígnios Superiores, contudo, são supremos, e temos de aceita-lo! Obrigado, Guilherme, pelo convívio e pela oportunidade de aprender! Fique em paz com sua família ao lado de nosso Pai maior!", postou outra conhecida do advogado pela internet.
 
"Ainda não me recuperei do susto. Ah,Guilherme. Tão novo, tão promissor, tão responsável, tão amigo... Que fique em paz junto ao Senhor e com sua família, que agora estão juntos em outro plano. Triste. Muito triste", desabafou mais uma internauta.

 
Leia tudo sobre: BR-040acidentebatidafamília