De cada dez, 4 pediram demissão

iG Minas Gerais | Queila Ariadne |

Os baixos salários e o elevado nível de estresse da profissão têm feito cada vez mais professores abandonarem a carreira. Segundo levantamento do Sindicato dos Professores de Minas Gerais (Sinpro-MG), de todas as homologações feitas em 2013, 39% dos profissionais pediram para ser desligados das escolas.  

“Não sabemos ao certo quantos foram para outras escolas, mas sabemos que a maioria desistiu da profissão. Foram 2.800 rescisões, das quais 1.092 pediram demissão. E nós sequer estamos considerando os acordos feitos pelos professores para que a escola os mandassem embora”, afirma o diretor do Sinpro, Newton Souza. Para 2015, a categoria estuda pedir aumento de 12,66%.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave