Detento apanha após se recusar a fazer sexo com companheiro de cela

Agressor afirmou que já havia sido abusado sexualmente pela vítima em data anterior

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um preso de 22 anos foi agredido por um companheiro de cela após se recusar a manter relações sexuais com ele, na última quarta-feira (10), em um presídio de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce.

Segundo o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a equipe foi acionada por um agente penitenciário do Presídio Governador Valadares, localizado no bairro Santos Dumont II. O autor de 22 anos contou aos militares que, há cerca de um mês, já havia sido abusado sexualmente pelo outro detento.

Nessa quarta, a vítima teria insistido para transar com o preso. Diante da negativa, os dois começaram a se agredir fisicamente. Durante a briga, o agressor mordeu o dedo da mão do homem mais velho. O jovem também ficou ferido.

A dupla foi encaminhada para a enfermaria do presídio, onde foi medicada. A ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Governador Valadares.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave