Base promete votar textos do Executivo

Também nesta quinta, o deputado tucano Lafayette Andrada acusou a oposição de estar obstruindo. “Mas, na semana que vem, vamos votar”, garantiu

iG Minas Gerais | Isabella Lacerda |

Integrantes do bloco de apoio ao atual governo na Assembleia se comprometeram nesta quinta a votar na próxima semana os projetos de interesse do governador Alberto Pinto Coelho (PP) que estão há meses parados na Casa devido à obstrução da oposição. Após encontro na capital com o senador Aécio Neves (PSDB), os deputados estaduais afirmaram que as votações devem ocorrer nas extraordinárias da próxima semana, incluindo as “pautas-bomba”, que podem prejudicar as contas do governador eleito, Fernando Pimentel (PT).  

Segundo o presidente da Assembleia, Dinis Pinheiro (PP), não há motivos para que as votações não estejam ocorrendo e, por isso, ele convocou sessões extras até domingo (21) e confirmou que cortará o ponto dos ausentes. “Não é uma ameaça. Vou cumprir o regimento”, disse Dinis, sem saber explicar o porque de a base governista não estar comparecendo ao plenário.

Também nesta quinta, o deputado tucano Lafayette Andrada acusou a oposição de estar obstruindo. “Mas, na semana que vem, vamos votar”, garantiu. Nesta quinta, ficou pronto para votação em plenário o projeto de reajuste dos servidores do Tribunal de Contas e as autorizações de crédito suplementar para órgãos em Minas. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave